segunda-feira, 27 de maio de 2013

a temperatura do corpo #26


«Não és já o corpo, e quando te penso não cresces, e sempre disse que seria incapaz de desejar quem não imagino. Muitas vezes te falo de estarmos próximos, outras, do hábito, e até deste modo de te não amar que me habituei.»

Rui Nunes, "Sauromaquia", Relógio D'Água, 1986

4 comentários:

Th.M. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Irmão Karamazov disse...

Que a tua imaginação seja maior que o teu entendimento.

Thiago M. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Thiago M. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.